Usuários do coletivo poderão desembarcar fora do ponto à noite, defende Salim

Devido a vulnerabilidade de mulheres, pessoas com deficiência e idosos que usam o transporte público, o deputado estadual Cairo Salim (Pros) apresentou projeto de lei nesta terça-feira, 28, que permite o desembarque de pessoas em local mais seguro e acessível durante o período noturno. Hoje, os ônibus param apenas nos pontos, que muitas vezes estão em lugares sem iluminação e não há segurança.

“O objetivo deste projeto é reduzir a vulnerabilidade desse grupo, que envolve mulheres, idosos e pessoas com deficiência. Todos os dias vemos relatos de agressões, assaltos e até estupros entre o trajeto do ponto de ônibus até a residência da pessoa”, explica Cairo.

Pelo projeto, os usuários citados poderão optar por um lugar mais seguro entre 21 horas e 6 horas do dia seguinte, respeitando o itinerário da linha e as regras de trânsito, para o desembarque. “Entendo que desembarcar fora do ponto, com o respeito às regras de trânsito, pode atrapalhar a ação de bandidos e ajudar o cidadão de bem a chegar em casa com segurança”, finaliza Cairo Salim.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.